Como pesquisar o Espiritismo?

Tempo de leitura: 1 minuto

Como pesquisar o Espiritismo?

A recuperação das ideias originais da obra de Allan Kardec é uma urgência. Muitas dos conceitos fundamentais, e até mesmo os fatos históricos, foram deturpados por obras ingênuas ou mal intencionadas.

Um exemplo interessante está no fato de o professor Rivail ter nascido em Lyon, na França. Está indicado em sua certidão de nascimento. Todavia, examinando esse fato, e não se encontrando mais indicações sobre sua infância, a casa onde morou e outros detalhes, alguns escritores fizeram uso de sua própria imaginação, contando como passeava por essa cidade, e morava com os pais. O detalhe está em que nunca Kardec morou nessa cidade! SUa infância foi em Bourg-en-Bresse, e na aldeia de Saint-Denis-le-Bourg, as duas no departamento de Ain, como noticiamos com detalhes em Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec.

Para não cair em erros grosseiros como esse, alguns cuidados são interessantes.

A dúvida é sempre adequada na pesquisa, enquanto a afirmação definitiva paralisa. em lugar de dizer “não há documentos”, melhor: “ainda não se encontrou documentos”. Não se pode fazer uma afirmação definitiva, pois podemos estar se acesso a um documento futuramente que esclareça a questão. Melhor omitir uma informação insegura do que criar uma falsa comunicação que poderá se transformar como um infeliz boato.

Quem vai estudar o passado com resposta pronta em sua mente encontrará o que quer encontrar somente. Ou o que “pensa” que sabe, e deixa de conhecer o que ignora.

A beleza dessa atividade está exatamente em encontrar o inesperado, o inusitado, o impensado, sem deixar de ser “realidade”. Por isso, paciência, persistência e dedicação.

Que tal pensar nisso: O verdadeiro entendimento amplia as dúvidas, as respostas apenas indicam caminhos.

(Paulo Henrique de Figueiredo)

3 Comentários


  1. Olá!! Qual a diferença entre o livro “Mesmer – A Ciência Negada e os Textos Escondidos.” e o livro “Mesmer – A Ciência Negada do Magnetismo Animal”? O primeiro pela Editora Lachatre (esgotado) e depois pela MAAT (não acho).

    Responder

    1. A quarta edição da obra Mesmer – a ciência negada, agora pela Editora Maat, foi ampliada, trazendo, inclusive, trechos inéditos do ultimo livro de Mesmer. Nova edição e capa. Você pode encontrar em candeia.com para receber o exemplar em sua casa.

      Responder

  2. Meu primeiro contato com a Doutrina dos Espíritos, se fez a dois anos e meio. Cansado da heteronomia religiosa , e o açambarcar que fazem seus líderes, fiquei em estase com a riqueza de respostas trazida nos livros de Allan Kardec, porem comecei a ler as obras ditas (complementares), e notei que voltei a mais pura religiosidade. Comecei uma pesquisa pois não encaixava as ideias de Kardec com esse suposto espiritismo. Resumindo foi conduzido pelos bons Espíritos até seu livro Revolução Espírita. Hoje estou certo de estar novamente no caminho do bom conhecimento, tenho muito que te agradecer por seu esforço na confecção deste belo livro. Gostaria se possível que você me desse sua opinião a respeito destas obras considerada por muitos como complementares por exemplo, de André luiz que coincidentemente era nome do irmão falecido do autor do mesmo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *