Moral e Religião

Primeiro livro espírita brasileiro, em 1865, denuncia a corrupção dos políticos: “darei a quem mais me der! ” Atualíssimo

Primeiro livro espírita brasileiro, em 1865, denuncia a corrupção dos políticos: “darei a quem mais me der! ” Atualíssimo

10 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo Um brasileiro como poucos amaram sua terra, Manuel José de Araújo Porto-Alegre (1806-1879), deve e merece ser reconhecido como expoente e pioneiro da história do Espiritismo no Brasil. Talentoso, lúcido, com uma capacidade fabulosa de compreender nosso povo, nossos problemas e enxergar soluções. Para ele, depois de estudar profundamente, experimentar a mediunidade, dialogar com Allan Kardec e diversos espíritos, chegou à conclusão de que a Doutrina Espírita se encaixa perfeitamente para a formação de nossa identidade nacional. Continue lendo

Extinção do homo sapiens? Catástrofes? A visão espírita do fim do mundo

Extinção do homo sapiens? Catástrofes? A visão espírita do fim do mundo

7 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo Repetindo profecias milenares, a cultura contemporânea narra nos filmes catástrofe os gestos derradeiros da humanidade (será o inconsciente coletivo?). Consumida em lava, esmigalhada pela fúria de meteoros, afogada em ondas esmagadoras. Enxofre, fel e fogo. Dor lancinante. Não restará alma viva. Tomado de sua divina implacável ira, o Criador, mostra a face oculta de seu poder, destruindo insensível sua própria obra. Acabaram as ilusões. Todo esforço em vão. Não há mais dúvidas sobre o futuro. É o Continue lendo

O que é preciso saber sobre o mundo espiritual, antes de chegar lá. E saiba — você vai. Incluindo: “Confissões de um morto”

O que é preciso saber sobre o mundo espiritual, antes de chegar lá. E saiba — você vai. Incluindo: “Confissões de um morto”

8 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de Mesmer – a ciência negada do magnetismo animal e de Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec. O espírito Lammenais, comenta um fato observado comumente no mundo dos espíritos:  “Lá, vemos Espíritos que, muito tempo mesmo depois de sua morte, se creem ainda vivos, vagam ou acreditam se ocuparem de suas tarefas terrestres, isso acontece porque se iludem completamente sobre a sua posição e não se dão nenhuma conta de seu estado espiritual”. Continue lendo

A explicação inédita e inovadora do livre arbítrio ensinada pelos espíritos superiores

A explicação inédita e inovadora do livre arbítrio ensinada pelos espíritos superiores

8 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de Mesmer – a ciência negada do magnetismo animal e Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec. Santo Agostinho converteu-se ao cristianismo, tornando-se sacerdote no ano 386, em Milão, Itália. Depois de viver tranquilamente numa chácara, com familiares e alguns discípulos, sofreu com a morte de sua mãe, após uma fulminante doença. Enquanto aguardava a chegada do navio que o levaria de volta para sua terra natal, atual Argélia, na África do Norte, escreveu Continue lendo

Para o espiritismo não existe carma nem causa e efeito. Conheça a moral dos espíritos superiores

Para o espiritismo não existe carma nem causa e efeito. Conheça a moral dos espíritos superiores

11 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de Mesmer – a ciência negada do Magnetismo Animal, e Revolução Espírita- a teoria esquecida de Allan Kardec. A moral do espiritismo, bem compreendida, é uma alternativa de vanguarda às opções oferecidas pela sociedade, seja pelo materialismo ou pelas religiões tradicionais. Ao materialista, basta a justiça. O lema é não fazer aos outro aquilo que não queira que se faça a si mesmo. Mas pense bem, essa regra é apenas restritiva, evita o mal, mas não Continue lendo

Revolução Espírita TV 01: A revolução espírita pode resolver a crise da humanidade?

Revolução Espírita TV 01: A revolução espírita pode resolver a crise da humanidade?

menos de 1 minuto Programa TV Revolução Espírita episódio 01 (TV Mundo Maior) A revolução espírita pode resolver a crise da humanidade? (Em três partes) Corrupção, privilégios, preconceito, exploração, guerras, fanatismo religioso, degradação do ambiente, todas as enfermidades da humanidade encontram solução na revolucionária teoria espírita.

A recuperação espírita do verdadeiro cristianismo

A recuperação espírita do verdadeiro cristianismo

10 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo Allan Kardec escreveu no conjunto de sua obra, por mais de mil vezes o nome de Jesus. Os ensinamentos dos espíritos que constituem a doutrina espírita tratam dos mais diversos temas da cultura humana. Como relatamos na obra Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec, há um complexo trabalho de Kardec e dos pesquisadores espíritas que o auxiliaram para validar os conceitos fundamentais da doutrina espírita originária dos espíritos superiores, com recursos da lógica e Continue lendo

Porque Deus não criou todos os espíritos perfeitos, para que o mal nunca existisse?

Porque Deus não criou todos os espíritos perfeitos, para que o mal nunca existisse?

10 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de “Mesmer, a ciência negada” e “Revolução Espirita – a teoria esquecida de Allan Kardec”.   Há uma fundamental relação entre matemática e filosofia. Platão levava essa relação muito a sério. Aqui não entra quem não compreenda geometria, mandou registrar na entrada da Academia. No Egito antigo, os detentores de todo conhecimento eram os sacerdotes. Também do conhecimento matemático, que os servia para construir os palácios, monumentos, registrar as variações climáticas, produções agrícolas, populações, e tantos Continue lendo

Que adianta torna-se espírita e temer o umbral como tinha-se medo do inferno? Conheça a verdade

Que adianta torna-se espírita e temer o umbral como tinha-se medo do inferno? Conheça a verdade

7 minutos Basta perguntar, a maioria dos espíritas recebeu uma catequização católica, ao menos na infância. Talvez esteja aí a raiz de uma peculiar transferência. Ainda imerso nas descrições clericais da vida após a morte, o principiante espírita faz uma troca apenas de nome, deixa de temer o inferno, e passa a temer o umbral. Muda o nome, permanece a ameaça. Uma senhora, no saguão da casa espírita, já afirmou:  – Luto todo dia para não fazer nada de errado, me pelo de medo Continue lendo

Espiritismo é uma seita carregada de superstições?

Espiritismo é uma seita carregada de superstições?

5 minutos Como bem viu o filósofo Herculano Pires, o espiritismo tem sido considerado como uma “seita comum, carregada de superstições. Muitos o veem como uma tentativa de sistematização de crendices populares, onde todos os absurdos podem ser encontrados”, concluindo o filósofo espírita que: “Na verdade os seus próprios adeptos não o conhecem (…). O espiritismo, nascido ontem, nos meados do século passado, é hoje o grande desconhecido dos que o aprovam e o louvam e dos que o atacam e o criticam” (Curso Continue lendo