Ciência espírita

O primeiro livro espírita brasileiro não tinha nada de ingênuo ou igrejeiro

O primeiro livro espírita brasileiro não tinha nada de ingênuo ou igrejeiro

1 minuto O primeiro livro espírita brasileiro é atual e surpreendente! Foi escrito em 1865 (Kardec estava em pleno vapor), por Manuel de Araújo Porto-Alegre, “Cartas sobre o Espiritismo”, veja como ele tratou sobre políticos e corrupção no seguinte trecho: “Todos os males do Brasil provêm da ambição dos seus guias, do egoísmo da maioria dos homens políticos, e da indolência e credulidade do povo, que é como todos os povos enganados. Raríssimos têm sido os deputados que sacrificaram a sua votação futura à Continue lendo

A Doutrina Espírita se aplica à Física moderna?

A Doutrina Espírita se aplica à Física moderna?

3 minutos O Espiritismo se aplica à Física moderna? Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de Mesmer – a ciência negada do magnetismo animal e Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec.  Em virtude das mudanças de paradigma representadas pela Física Moderna alteraram-se e muito as bases conceituais da filosofia dessa ciência; distanciando os raciocínios utilizados nos tempos de Kardec entre os físicos, absolutamente mecânicos, para pensamentos profundos que a dinâmica, ondulatória, relatividade e quântica proporcionam. Constato, também, que algumas teorias atuais Continue lendo

O Espiritismo afirma que Deus não foi criado mas sempre criou. Como é possível?

O Espiritismo afirma que Deus não foi criado mas sempre criou. Como é possível?

2 minutos O debate sobre o tempo se manteve filosófico até o século 19. Era a medida da sucessão das coisas. Sei o que é, mas não sei defini-lo, dizia Agostinho. Mas depois das ideias de grandes físicos como: O francês Henri Poincaré (1854-1912), o neerlandês que elaborou as equações base da relatividade geral, Hendrik Lorentz (1853-1928), e o mais conhecido Einstein (1879-1955) Esses  pensadores forjaram a física moderna, e nela o tempo se integrou com as dimensões espaciais, que eram três físicas e Continue lendo

Existe espírita kardecista? Ou se trata de um equívoco?

Existe espírita kardecista? Ou se trata de um equívoco?

4 minutos Espiritismo kardecista? Quando criança minha família era espírita desde meus avós, pais, irmãos. Em casa, coisas como mediunidade, espíritos, obras de Kardec, reuniões mediúnicas, efeitos físicos, aulas, seminários, médiuns e escritores espíritas, faziam parte do cotidiano.  Mas naquele tempo (é estranho poder falar isso: “naquele tempo”, deveria deixar essa expressão para quem já viveu 70 ou 80 anos, mas aos 50, peço licença) havia preconceito com quem fosse espírita. Mais ainda se fosse de umbanda, candomblé ou qualquer cultura africana ou afro-brasileira. Continue lendo

O Espiritismo não tem filiação, não é confraria, nem associação. É o que afirmou Kardec.

O Espiritismo não tem filiação, não é confraria, nem associação. É o que afirmou Kardec.

2 minutos Para ser espírita é preciso fazer parte de uma sociedade? Participar de reuniões periódicas? Ter-se formado em cursos de habilitação? Carregar um diploma? Vamos ver que nada disso é necessário para ser espírita, como explicou Allan Kardec. Uma característica importante da autonomia moral, base fundamental da teoria espírita, como pretendemos demonstrar na obra Revolução Espírita, está no fato de que, por sua própria definição, deve ser adquirida por um esforço racional a partir de uma iniciativa espontânea e desinteressada. Dessa forma, ninguém Continue lendo

O que é preciso saber sobre o mundo espiritual, antes de chegar lá. E saiba — você vai. Incluindo: “Confissões de um morto”

O que é preciso saber sobre o mundo espiritual, antes de chegar lá. E saiba — você vai. Incluindo: “Confissões de um morto”

8 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo, autor de Mesmer – a ciência negada do magnetismo animal e de Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec. O espírito Lammenais, comenta um fato observado comumente no mundo dos espíritos:  “Lá, vemos Espíritos que, muito tempo mesmo depois de sua morte, se creem ainda vivos, vagam ou acreditam se ocuparem de suas tarefas terrestres, isso acontece porque se iludem completamente sobre a sua posição e não se dão nenhuma conta de seu estado espiritual”. Continue lendo

Kardec afirma: “Magnetismo animal e Espiritismo são duas ciências gêmeas”. Saiba por quê.

Kardec afirma: “Magnetismo animal e Espiritismo são duas ciências gêmeas”. Saiba por quê.

5 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo Foi fundamental a influência das ideias de Mesmer na revolução moral do século 19, o espiritismo. Allan Kardec, antes de se dedicar aos estudos dos fenômenos espíritas, durante a sua brilhante carreira como escritor e educador, havia estudado a ciência de Mesmer durante trinta e cinco anos. E as relações entre magnetismo animal e espiritismo são para ele tão basilares que ele afirmou, numa Revista Espírita de 1869, num momento conclusivo de sua obra: O magnetismo e Continue lendo

A recuperação espírita do verdadeiro cristianismo

A recuperação espírita do verdadeiro cristianismo

10 minutos Por Paulo Henrique de Figueiredo Allan Kardec escreveu no conjunto de sua obra, por mais de mil vezes o nome de Jesus. Os ensinamentos dos espíritos que constituem a doutrina espírita tratam dos mais diversos temas da cultura humana. Como relatamos na obra Revolução Espírita – a teoria esquecida de Allan Kardec, há um complexo trabalho de Kardec e dos pesquisadores espíritas que o auxiliaram para validar os conceitos fundamentais da doutrina espírita originária dos espíritos superiores, com recursos da lógica e Continue lendo

Internet é passado! Saiba como será possível conversar pelo pensamento: o futuro da comunicação

Internet é passado! Saiba como será possível conversar pelo pensamento: o futuro da comunicação

8 minutos Muitas das grandes descobertas da ciência tiveram início a partir de um simples fenômenos do cotidiano. Todavia, o olhar atento de um cientista, fugindo do lugar comum, permite ver naquilo a pista de algo maior. Durante séculos, por exemplo, o imã servia a brincadeiras, como mover um barquinho de papel sobre as aguas, numa bacia de ferro. Atualmente, ele move motores, gera energia elétrica, e se pensarmos bem, transformou a vida humana. O mesmo ocorreu com tantos outros achados fundamentais da tecnologia. Continue lendo

Para Kardec, o Espiritismo é mais prejudicado pelos adeptos que o compreendem mal do que pelos seus inimigos declarados!

Para Kardec, o Espiritismo é mais prejudicado pelos adeptos que o compreendem mal do que pelos seus inimigos declarados!

3 minutos Em 1864, Allan Kardec fez um discurso aos espíritas de Bruxelas, na Bélgica, país vizinho da França. Foi muito bem recebido por adeptos sérios, interessados na doutrina, conhecedores dos aspectos filosóficos e morais da Doutrina, felizes e motivados em receber aquele mestre que dedicava sua vida integralmente ao seu desenvolvimento e divulgação. Kardec iria conservar dessa visita uma de suas mais agradáveis lembranças. Essas viagens, porém, ele declara, não tinham como motivo a simples satisfação pessoal, não, além de estreitar os laços Continue lendo